160715100723.jpg

Cemil fica em primeiro lugar no curso de Gestão Eficiente de Energia da Cemig

A Cemig promoveu, na quinta-feira (30/06), o encerramento do curso de Gestão Eficiente de Energia. Nessa etapa, foram apresentados projetos de eficiência energética que abordaram as possibilidades de diminuir o consumo de energia, reduzir a demanda e os gastos, além de aumentar a capacidade produtiva.

O curso foi promovido através do Programa Educacional de Eficiência Energética – Indústrias (PEEE), da Cemig. O objetivo é capacitar profissionais para que se forme uma cultura direcionada ao uso sustentável e consciente de energia nas empresas.

Com o comprometimento das equipes e apoio da direção, foi implantado na Cemil a Comissão Interna de Conservação de Energia (CICE), que realizou um estudo no parque fabril, desenvolvendo ações na empresa que resultaram na economia de 800 MWh/ano, o equivalente a R$ 400.000,00 por ano.

A proposta do projeto final de eficiência energética será realizada no sistema de frios, com a finalidade de reduzir 7,7% no consumo anual de energia, aumentando a eficiência do sistema em 30%, com ganho no processo produtivo e na qualidade do produto processado, garantindo assim melhor desempenho da planta industrial.

Dentre várias empresas de Minas Gerais que participaram do programa, a Cemil ficou em primeiro lugar e foi premiada pelas ações de economia realizadas e pela proposta do projeto final desenvolvido na empresa.

Para mais informações, acesse:

http://www.abce.org.br/noticias_associadas.php?id=926&mes=07&ano=2016


Facebook Cemil


Paçoquinha cremosa de colher Bolo de Chocolate Pudim de Leite Condensado Panna cotta italiana Massa com Molho Branco Tapioca de Leite Condensado com Coco Empadão de Creme de Leite

Bolo de caneca

Fácil 10 minutos 240 Kcal
Em uma tigela coloque a gema, o leite condensado, a margarina, o leite, o chocolate em pó e bata por 3 minutos. Acrescente a farinha, o fermento e mi...
Receita completa Todas as receitas


Aviso importante: o Ministério da Saúde informa que o aleitamento materno evita infecções e alergias e é recomendado até os 2 (dois) anos de idade ou mais.
BNDS